fbpx Entrega do Prémio Universidade de Lisboa 2022 a Luís Portela | ULisboa

Entrega do Prémio Universidade de Lisboa 2022 a Luís Portela

Entrega do Prémio Universidade de Lisboa 2022 a Luís Portela
28 de Maio de 2024
17:30
Salão Nobre da Reitoria da Universidade de Lisboa

Entrega do Prémio Universidade de Lisboa 2022 a Luís Portela

A cerimónia terá lugar no dia 28 de maio de 2024, às 17h30, no Salão Nobre da Reitoria da Universidade de Lisboa.

Share Entrega do Prémio Universidade de Lisboa 2022 a Luís Portela

O Prémio Universidade de Lisboa 2022 é atribuído a Luís Portela, médico e gestor, presidente da Fundação Bial. O Júri do Prémio Universidade de Lisboa 2022 reconhece o seu notável percurso como médico e gestor, com contribuições significativas no campo da Inovação em Saúde. O seu impacto social, personalidade inovadora, empreendedorismo singular e liderança visionária fazem dele uma figura de destaque em Portugal e no mundo.
 


Luís Portela 

Nascido em 1951 no Porto, é licenciado em Medicina pela Universidade do Porto, tendo feito algumas ações de formação em gestão. Exerceu atividade clínica no Hospital de S. João apenas durante três anos e foi docente da Universidade do Porto durante seis anos, onde lecionou a cadeira de Psicofisiologia.

Desligou-se da carreira médica e universitária para se dedicar à gestão da empresa de sua família - Bial. Iniciou a atividade empresarial com vinte e um anos e aos vinte e sete assumiu a presidência executiva da empresa (1979-2011), tendo depois passado a presidente não executivo (2011-2021). Foi também presidente do Health Cluster Portugal (2008-2017) e do Conselho Geral da Universidade do Porto (2009-2013), vice-presidente da Fundação de Serralves (2001-2008) e membro da Direção da Cotec (2006-2012). Em 2021 retirou-se da vida profissional, para se dedicar à Fundação Bial, a que preside, à leitura, à escrita e à família.

Sob a sua presidência, Bial tornou-se a primeira empresa farmacêutica internacional de inovação de origem portuguesa, operando atualmente em cerca de 60 países. No Grupo Bial criou e desenvolveu um Centro de Investigação, especializado na investigação de fármacos. Nesse centro foram criados os dois primeiros medicamentos de investigação portuguesa a serem comercializados no mercado global: a partir de 2009 um antiepilético e de 2016 um medicamento para a Doença de Parkinson. 

Em 1994 criou, conjuntamente com a Bial e o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas, a Fundação Bial, tendo como objetivo incentivar a investigação sobre o ser humano, tanto sob o ponto de vista físico como espiritual. A Fundação teve desde então mais de 1.700 bolseiros em investigação científica, de 30 países. Também atribui três prémios: o Prémio Bial de Medicina Clínica, o Bial Award in Biomedicine e o Prémio Maria de Sousa, este último em parceria com a Ordem dos Médicos. 

O seu prazer pela leitura e pela reflexão levou-o à escrita, tendo-o feito com caráter permanente em alguns órgãos de comunicação social. Publicou dez livros, dos quais se mantêm nas livrarias Serenamente, O Prazer de Ser, os best-sellers Ser Espiritual, em 33ª edição, e Da Ciência ao Amor, em 15ª edição, e o mais recente The Science of Spirit - Parapsychology, Enlightenment and Evolution, publicado nos EUA pela Toplight/McFarland.

Foi agraciado com três condecorações do Estado Português: Comendador da Ordem do Mérito, Grã-Cruz da Ordem do Mérito e Grã-Cruz da Ordem da Instrução Pública. Foi distinguido com quatro doutoramentos Honoris Causa, pelas Universidades de Cádis, Porto, Coimbra e Lisboa. Em 1998 foi distinguido com o Prémio de Neurociências da Louisiana State University, nos E.U.A. Recebeu quatro distincões municipais: Medalha de Mérito - Grau Ouro - pelo Porto, Medalha de Honra - Grau Ouro - e primeira chave da cidade pela Trofa, Medalha de Honra por Vila Nova de Gaia. Em 2008 foi distinguido como “Empresário do Ano” pelo Rotary International. Em 2009 foi eleito Académico Correspondente pela Academia Portuguesa de Medicina. Em 2010 foi eleito Membro Honorário da Parapsychological Association of the American Association for the Advancement of Science. Em 2016 foi distinguido com a Medalha de Ouro de Serviços Distintos do Ministério da Saúde. Em 2017 com o Prémio Carreira pela Associação Nacional de Jovens Empresários - ANJE. Em 2019 com a Medalha de Mérito da Ordem dos Médicos. Em 2021 com a Medalha de Mérito Científico do Ministério da Ciência. Em 2023 com o Prémio Excelência na Liderança pela revista Exame.

1


NOTÍCIAS DA ULISBOA

Para que esteja sempre a par das atividades da ULisboa, nós levamos as notícias mais relevantes até ao seu email. Subscreva!

SUBSCREVER